Câmara de Vereadores lamenta falecimento do empresário e cidadão honorário Antônio Savaris

por Diretoria de Comunicação última modificação 06/11/2019 12h41
O velório acontece na Loja Maçônica Manoel Ribas, no Rua Padre Montoya, 404, no centro. O sepultamento será às 17h30 no Cemitério São João Batista

O Poder Legislativo lamenta o falecimento, aos 96 anos, do empresário e cidadão honorário de Foz do Iguaçu Antonio Savaris. “É com grande pesar que recebemos essa notícia. Externo aqui meus sentimentos a toda a família Savaris. Ao longo dos anos, essa família tem sido uma das grandes apoiadoras dos projetos que ajudaram a reestruturar nossa cidade. A ida do senhor Savaris é uma perda muito grande para o nosso município. Lamento a morte de um dos mais destacados cidadãos honorários de Foz do Iguaçu”, disse o presidente da Câmara, Beni Rodrigues.

O óbito de Antônio Savaris ocorreu nesta quarta-feira (6) de causas naturais, no Hospital Ministro Costa Cavalcante, onde ele estava internado. De família pioneira, Savaris era empresário de destaque no ramo da joalheria, hotelaria e das comunicações - também era proprietário da Rádio Itaipu FM. O velório acontece na Loja Maçônica Manoel Ribas, no Rua Padre Montoya, 404, no centro. O sepultamento será às 17h30 no Cemitério São João Batista.

O empresário sempre manteve atuação marcante na área social, com a participação no Lions Clube Cataratas e várias outras entidades. Na vida política, ele também chegou a assumir a vaga de suplente no Legislativo, em 1964. Em 2006 recebeu da Câmara Municipal o título de Cidadão Honorário de Foz do Iguaçu em reconhecimento aos serviços prestados e relevante contribuição para o desenvolvimento do Município.

Para a vereadora Nanci Rafagnin Andreola, vice-presidente da  Câmara, “é uma perda muito grande para a cidade de Foz do Iguaçu. O senhor Savaris era um grande amigo, parceiro e pioneiro do município. Trabalhou e lutou muito por essa cidade e sempre acreditou, tanto é que todos os investimentos da família Savaris foram em Foz e somaram muito para nossa cidade com geração de empregos. Ele criou toda sua família aqui e deixou um legado. A gente sente muito a partida dele”.

O vereador Edson Narizão, segundo secretário da Casa de Leis, também lamentou a perda. “Ficamos muito tristes com o falecimento do senhor Antônio Savaris, um dos pioneiros de Foz do Iguaçu. Eu, quando criança, vendia jornais nas ruas da cidade e sempre vendia para o Savaris. Fiquei muito triste com essa notícia. Meus sentimentos à família e amigos. Que Deus conforte o coração de todos”, disse Narizão.

João Miranda, segundo vice-presidente do Legislativo, externou condolências. “A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu lamenta o falecimento do senhor Savaris, empresário e cidadão honorário do município. Meus sentimentos a família e que Deus conforte o coração de todos”.

O primeiro secretário da mesa diretora, vereador Elizeu Liberato, também se pronunciou: “É com pesar que tomamos conhecimento do falecimento do senhor Antônio Savaris. Esse grande empresário foi muito importante ao município e sempre acreditou na cidade. Participava de diversas associações sociais como o Rotary Club, também foi vereador durante um ano em 1964 e cidadão honorário de Foz. Deixou sua marca na cidade. Meus sentimentos a família e que Deus conforte o coração de todos”.

Antonio Savaris era natural de Veranópolis (RS) e morava em Foz do Iguaçu desde 1953. Ele também foi membro do Country Clube e da Diretoria do Oeste Paraná Clube, da Sociedade Espírita Paz, Amor e Caridade. O corpo está sendo velado na Loja Maçônica da Rua Padre Montoya, 404, no centro de Foz. Também foi o primeiro radioamador de Foz do Iguaçu.

 

registrado em: