Complexo Penitenciário de Foz do Iguaçu recebe moção de aplauso na Câmara

por Comunicação publicado 04/07/2019 17h00, última modificação 04/07/2019 17h00
Diversas autoridades e servidores da área de segurança pública prestigiaram a homenagem

Órgão responsável pela promoção de inserção social de apenados, o Complexo Penitenciário de Foz do Iguaçu exerce um serviço com base no respeito ao próximo e humanização. Em reconhecimento ao trabalho, a Câmara Municipal entregou a moção de aplauso nº 5/2019 a Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu II – PEF-II na manhã desta quinta-feira (04), durante sessão ordinária. A placa foi entregue pelo proponente da moção, vereador Rogério Quadros (PTB), e pelo Presidente da Casa, Beni Rodrigues (PSB).

A homenagem contou com a presença da banda do 34º Batalhão de Infantaria Mecanizado, que executou o Hino Nacional no início do evento. Também prestigiaram o ato o Diretor da PEF I, Willian Vieira Costa Zonatto; o Diretor da PEF 2, Marcos Aparecido Marques; o Diretor da Cadeia Pública Laudemir Neves, Cassio Rodrigo Pompeo; a Diretora da Penitenciária Feminina de Foz do Iguaçu – Unidade de Progressão, Cláudia Grignet Fardoski Souto; e a Presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná – SINDARSPEN, Vanderléia Pereira Leite; além de diversas outras autoridades e servidores da área de segurança pública.

O vice-diretor do Departamento Penitenciário do Estado do Paraná – DEPEN, Thorstein Ferraz recebeu a placa de honra em nome da instituição e externou agradecimentos perante o Legislativo. “Nos emociona muito pela missão, pelo trabalho árduo e tratamento. Esse é um reconhecimento do trabalho de cada um dos atores. Estamos desenvolvendo tecnologias para garantir integridade física e moral dos custodiados do Estado do Paraná”, comentou.

Segundo Thorstein, os resultados aparecem. “Estamos planejando melhorar os índices para 2019, que os presos tenham a custódia adequada nas penitenciárias do Estado. Entendemos que isso é um reconhecimento da sociedade ao serviço penitenciário. Nossa premissa é eficiência na prestação do serviço público. Obrigado pela homenagem e a todos os servidores que fazem esse trabalho acontecer” declarou.

Na opinião do proponente da moção, vereador Rogério Quadros (PTB), “todos nós sabemos a importância da reeducação do custodiado e de sua reintegração na sociedade. O Complexo Penitenciário de Foz do Iguaçu conta com uma equipe de profissionais de diversas áreas que desenvolvem, em conjunto, um excelente trabalho”.

Rogério afirmou que “diante de tudo isso, não poderia deixar de destacar o fator humano nas ações, o trabalho dos diretores, dos agentes penitenciários, dos técnicos administrativos, dos profissionais de psicologia, do serviço social, de pedagogia e de enfermagem. Manifesto aqui também meu respeito e reconhecimento pelo esforço e dedicação demonstrada no Complexo Penitenciário de Foz do Iguaçu”.

História

Inicialmente, o DEPEN/PR era responsável apenas pelas funções de direção e chefia de segurança. Somente em 2006 é que o Estado assumiu de forma integral as atividades exercidas na entidade. Em 2008 foi inaugurado o Centro de Detenção e Ressocialização CDR, atual Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu II. Posteriormente, o DEPEN assumiu também a responsabilidade para gerir a Cadeia Pública Laudemir Neves.

No ano de 2012 foi criado também o Centro de Reintegração Social Feminino com capacidade para abrigar 248 internas em regime fechado. Diante da grande quantidade de detentos alojados nas unidades penais de funcionamento no município, o governo Estadual decidiu ampliar a penitenciária e construir uma nova cadeia pública que, depois de prontas, comporão o segundo maior Complexo Penitenciário do Estado do Paraná.

Atualmente, a DEPEN conta com profissionais de diversas áreas que desenvolvem inúmeras atividades com os detentos para ressocialização em prol da reincidência criminal e do encarceramento.


Mais fotos em "fotos do dia": https://www.fozdoiguacu.pr.leg.br/institucional/fotos/fotos-do-dia/fotos-do-dia 

 

registrado em: ,