CPI da destinação do lixo solicita documentos ao Executivo

por Diretoria de Comunicação última modificação 13/12/2019 10h33

A Comissão Parlamentar de Inquérito que indícios de irregularidades na destinação do lixo no Município de Foz do Iguaçu, realizou reunião nesta quinta-feira (12). A deliberação foi no sentido de solicitar os documentos necessários para análise de todo o processo.  Estão sendo solicitadas à prefeitura cópias dos contratos e convênios firmados com a Vital Engenharia Ambiental e com a COAF, e também toda a legislação municipal vigente, como leis, decretos e outras normas, relativas a resíduos sólidos e meio ambiente.

Os integrantes da CPI são os vereadores Luiz Queiroga (Presidente), Marcio Rosa (Relator), e Edson Narizão (Membro). A pedido dos vereadores, o Presidente da Agência Reguladora Ambiental de São Miguel do Iguaçu – ARASMI, Ederson Luiz Laurindo, compareceu à reunião, e auxiliou com os pedidos feitos pelos parlamentares. Os trabalhos seguirão com os documentos servindo de base para os levantamentos em relação às possíveis irregularidades.

O presidente da CPI, Luiz Queiroga afirmou que “a comissão tem a grande responsabilidade de verificar algumas irregularidades e isso será feito”. A Prefeitura terá um prazo de 15 dias para o encaminhamento dos documentos solicitados, a fim de que os trabalhos possam ter continuidade.


Veja à reportagem da TV Câmara: 

registrado em: , ,