Vereadores destinam R$ 2 milhões em emendas impositivas para o Hospital Municipal

por Maria Fernanda última modificação 07/11/2019 14h21
O dinheiro será utilizado para a modernização do centro cirúrgico

Os vereadores de Foz do Iguaçu se uniram para ajudar a saúde da população por meio das emendas impositivas ao orçamento de 2020. Juntos, eles decidiram reforçar em mais de R$ 2 milhões os valores destinados ao Hospital Municipal. Esses recursos de emendas impositivas obrigatoriamente, por lei, o prefeito terá que realizar. A verba vai para aquisição de equipamentos tanto para exames como endoscopia e colonoscopia como também para aumentar a quantidade de cirurgias para quem está esperando.

Cada vereador está destinando um valor perfazendo um total de 2 milhões e 30 mil reais. As maiores destinações foram dos vereadores Beni Rodrigues (PSB) e Nanci Rafagnin Andreola (PDT), que irão repassar R$ 350 mil cada um. “Isso demonstra que a Câmara Municipal está sempre em favor da população de Foz do Iguaçu. Estou muito feliz por reunir meus companheiros vereadores e nos unirmos todos pela causa da saúde. Só da minha parte são R$ 350 mil pois sei que o investimento na saúde é fundamental, salva vidas. Parabéns a todos os vereadores por mais essa atitude e união em favor do povo”, disse o presidente Beni.

A vereadora Nanci ressaltou que seu objetivo é atingir a grande massa da cidade, que necessita do hospital para tratamentos de saúde e internações. “Nós temos que pensar na população de modo geral. Foi feita uma divisão justa. Todos os vereadores estão de parabéns, por terem entendido essa necessidade e a importância de reforçar o orçamento do Hospital pensando no atendimento da população”, afirmou Nanci.

Todos pela saúde

A decisão sobre os recursos ocorreu logo após a primeira sessão de novembro, na terça-feira (5) quando os vereadores se reuniram com o Diretor-presidente do Hospital Municipal Padre Germano Lauck, Sérgio Frabriz. A demanda apresentada por Sérgio é referente a renovação tecnológica de equipamentos, a ampliação do Centro Cirúrgico e a parte de exames de endoscopia e colonoscopia.

“O projeto é para a compra de novos equipamentos de cirurgia Full HD, para melhorar a qualidade da imagem e o procedimento do médico, o que pode tornar as cirurgias mais rápidas, com equipamentos mais modernos. Além da qualidade, prevemos uma agilidade no atendimento” afirmou Fabriz.

“O diretor do hospital nos trouxe uma demanda que precisaria para abertura de novas salas de cirurgias, então estamos aqui para dar esse respaldo. Se faltava recurso, agora tem”, disse o vereador Celino Fertrin (PDT). No projeto inicial, a previsão era de R$ 1,7 milhões, mas os vereadores destinaram recursos além do previsto, afim de colaborar com os moradores e usuários do espaço, que tem superado recordes mensalmente. “No mês de outubro, o hospital chegou a um feito inédito, atingindo a quantidade de 606 cirurgias realizadas, fruto do trabalho de toda a equipe médica e gestão do hospital”, ressaltou o diretor Sérgio. 

O vereador Elizeu Liberato concordou com as afirmações, e destacou a união dos 15 vereadores em canalizar as necessidades da população. A vereadora Inês Weizemann (PSD), que está destinando R$ 250 mil das emendas a que tem direito, também reforçou a participação dos vereadores que no ano passado tiveram atitude idêntica, reservando recursos e viabilizando a aquisição (neste ano) de equipamentos para leitos de UTI e modernização de aparelhos para exames e materiais cirúrgicos.

“Isso quer dizer que agora nós teremos menos pacientes nas UPAs aguardando leito. O fluxo vai girar mais rápido, gerando economia para o Hospital Municipal”, afirmou Inês Weizemann.

Cada vereador destinou um valor

Os vereadores Beni Rodrigues (PSB) e Nanci Rafagnin Andreola (PDT) irão destinar R$ 350 mil cada um; a vereadora Inês Weizemann (PSD) destinará R$ 250 mil; Elizeu Liberato (PL) R$ 160 mil e Anice Gazzaoui R$ 120 mil. Os parlamentares Darci DRM (sem partido), Celino Fertrin (PDT), Rogério Quadros (PTB), Luiz Queiroga (DEM), Jeferson Brayner (Republicanos) e Edílio Dall’Agnol destinarão R$ 100 mil cada. Marino Garcia (sem partido), Marcio Rosa (PSD), João Miranda (PSD) e Edson Narizão (PTB) irão destinar R$ 50 mil cada.


Clique aqui para mais fotos


Texto: Maria Leithardt com supervisão de Elson Marques